Se a intenção é pintar pra resolver rachadura ou manchas de infiltração e vazamento, melhor mudar de ideia. Conserte primeiro.Tinta não resolve esses problemas. E você pode ficar com a falsa ideia de que deu tudo certo, de que gambiarra vale a pena e de que você foi ótimo no disfarce. Mas preste atenção ao que deve ser feito antes de pintar:

Trincas

Se a parede tiver trincas, observe se elas são inclinadas (na diagonal): essas indicam problemas na estrutura, que pode estar cedendo por algum problema na fundação. Chame um engenheiro ou a Defesa Civil da sua cidade para avaliar. Se as trincas forem estreitas e estiverem na vertical ou na horizontal, é preciso observar se elas vão ficando mais abertas com o passar dos dias. Pode ser que elas tenham surgido no encontro de tipos diferentes de material que compõem as paredes (concreto das vigas e pilares, blocos de cerâmica ou cimento, madeira, etc). Se forem simples, o pintor vai usar preenchê-las com massa corrida e depois pintar.

Vazamento e infiltração

Se a parede tiver vazamentos e infiltrações, chame o encanador para fazer o conserto e só depois disso o pintor vai poder entrar em ação. Será preciso localizar onde tem água na parede, abrir para achar a origem, ver se ela não comprometeu a estrutura e consertar antes de fechar e fazer todo o procedimento com a parede.

proteger a casa de respingos

Como proteger a casa de respingos durante a pintura

Proteger a casa de respingos é uma das principais medidas de preparação para a...