Pintura, mão de obra

Quem vai cuidar da sua pintura é o pintor. Não deixe de entrevistá-lo ou entrevistar o empreiteiro responsável antes de contratar e iniciar a obra.

Além da entrevista, combine antes de começar como deve ser a entrega final para você aceitar o trabalho e a sua participação nos momentos críticos da obra. Sempre que possível exige a garantia!

A entrevista não é uma prova para testar o profissional; é mais uma conversa para ver se vocês se entendem para fazer sua reforma juntos. Se não houver entendimento antes, imagina o que vai acontecer durante a obra!

O QUE PERGUNTAR

  • Qual é o estado da parede e que preparo precisa ser feito?
  • Ele vai preparar e lavar a parede, proteger ambientes e limpar tudo ao final?
  • Que materiais e ferramentas ele vai precisar de você?
  • Ele trabalha com qualquer tipo de tinta? Que tinta ele recomenda no seu caso?
  • O que está incluindo no orçamento dele e como ele vai cobrar?
  • Ele pode passar algumas referências dos serviços recentes que ele fez?

DESCONFIAR E EVITAR DE CONTRATAR SE…

  • Ele disser que não precisa preparar a parede ou fala que isso não é responsabilidade dele. Ele não deixou claro o que está incluso.
  • Ele nem olhou a parede e disse que nem precisa porque ele sempre faz a pintura do mesmo jeito.
  • Ele não concordar em te mostrar a parede preparada (lixada, limpa, com imperfeições corrigidas) antes de aplicar a tinta.
  • Ele disser que proteger o ambiente com papelão, fita crepe etc. é sua responsabilidade, ou que nem precisa proteger.
  • Ele acha bobagem esperar o tempo necessário entre as demãos e diz que isso pode deixar a obra muito demorada
  • Ele insiste em receber todo o pagamento logo no início
  • E, claro, se ele tiver referências ruins

A COMBINAR ANTES DE COMEÇAR

  • Como deve ficar o trabalho final para voce aprovar e fazer o pagamento para pintor.  A pintura deve ser uniforme, sem manchas, bolhas e respingos; a parede (ou outra superfecie) deve ficar lisa, sem trincas ou buracos; e as areas não pintadas (chão, vidros, rodapés, maçanetas, tomadas etc.) devem ficar limpadas e sem respingos de tinta. Combine que caso tiver um desses problemas, o pintor deverá consertar e/ou refazer o trabalho para aprovação final.
  • Que, durante a obra, você precisa aprovar a preparação de parede antes dele continuar a pintura
  • As áreas que serão pintadas, cor e acabamento que você prefere. Verifique se o pintor irá fornecer as ferramentas de pintura (rolo, pinceis, extensor de rolo, lixas, etc) ou se você precisará comprar.
  • Como e quanto você vai pagar. Geralmente o valor do serviço para pintura é feito em função da área e do tipo de tinta. Prefira o contrato por preço total dos serviços – assim, você terá um controle maior sobre os gastos com mão de obra.

 

Guia Pintura

Pintura, você na obra

Pintura, você na obra A pintura inclui os seguintes etapas:  1) proteção do ambiente...