Esgoto, você na obra

Esgoto inclui as seguintes etapas:

  1. planejar a instalação,
  2. executar a tubulação e
  3. instalar e testar as peças sanitárias. 

O seu objetivo como cliente ligado é aparecer nos momentos críticos de cada etapa e olhar para os elementos que indicam se o trabalho é feito com qualidade e conforme o combinado. Os erros e desvios podem aparecer, mas se forem reconhecidos logo, ainda dará tempo para corrigir e evitar pepinos mais pra frente. Combine esses momentos e a sua participação com o encanador ou com o empreiteiro, antes de começar a obra!

Momento 1. Combinar o serviço e planejar a instalação

Apareça na obra para:

MOMENTO_01_ESGOTO

  • Solicitar a conexão de esgoto ao sistema de coleta pública. Se não houver rede pública na região da sua casa, será preciso construir uma fossa séptica e um poço sumidouro
  • Garantir que o encanador não vai começar a obra sem um plano de instalação. Ele deve saber os locais de passagem dos tubos e a localização dos aparelhos sanitários (privadas, chuveiro, pia e lavatório)
  • Garantir que ele posicione as caixas de inspeção e de gordura em locais de fácil acesso
  • Confirmar com o encanador que ele fará a vala para colocar a tubulação que fica enterrada e que ela terá largura suficiente pros tubos ficarem bem assentados

E apareça para checar se o material pedido pelo encanador corresponde ao serviço combinado:

  • tubos e conexões de PVC
  • sifão
  • anel de borracha e pasta lubrificante
  • terminal de ventilação
  • ralo seco e sifonado
  • caixa de inspeção
  • caixa de gordura
  • Fossa séptica e sumidouro

Momento 2. Execução da tubulação

Apareça para:

MOMENTO_02_ESGOTO

  • Ter certeza de que a instalação dos tubos de esgoto seja feita depois da laje estar concretada e antes do contrapiso ser feito. A tubulação de esgoto fica embutida no piso ou aparente embaixo da laje do segundo pavimento.
  • Se for passar os tubos de uma andar para outro ou instalar embaixo da laje tem que deixar os buracos na laje na hora de concretar. E se for embutir no piso tem que deixar um rebaixo na laje para montar o sistema que depois pode ser preenchido com entulho, ou argila expandida tomando cuidado para não danificar os tubos.Ter certeza de que o encanador instalou tubo de ventilação e de queda
  • Verificar a posição dos ralos sifonados e caixas e se os tubos estão com caimento de 1% e se não há vazamento
  • Conferir se o encanador instalou anel de borracha nas saídas dos lavatórios, pias e tanques, para facilitar montagem do sifão mais tarde
  • Checar se os canos estão ligados à caixa de gordura (ramal da cozinha) e à caixa de inspeção (ramais dos banheiros e lavanderia). Só depois de verificar isso você pode autorizar o pedreiro a fechar o piso.
  • Só depois de ver que o caimento está correto e não há vazamentos você pode deixar preencher o rebaixo (se for embutido) ou fazer um forro se não quiser deixar aparecendo sob a laje.

O encanador vai sair de cena e o pedreiro vai finalizar: encher rebaixo, fazer contrapiso e instalar os revestimentos de piso e parede. Ele prepara tudo para que o encanador instale mais tarde as peças sanitárias.

Momento 3. Instalação e teste das peças hidráulicas

Todos os tubos instalados, pisos e paredes revestidos. Hora do encanador instalar e testar as peças sanitárias (privada, lavatório, chuveiro, torneira). Aparecer para:

MOMENTO_03_ESGOTO

  • Testar o funcionamento das peças instaladas: abrir torneiras de pias e lavatórios, acionar saída de água dos chuveiros, dar descarga nos vasos sanitários e verificar se a água (esgoto) realmente desce e se não há entupimentos e sujeira no esgoto
  • Certificar-se de que o caimento do piso em direção ao ralo esteja correto (1,5% a 2%). Teste jogando água.
  • Abrir as tampas das caixas de inspeção e gordura e ver se não estão obstruídas e se o esgoto está fluindo.

 

Guia Esgoto

caixa d´água

Como escolher a caixa d´água?

Antes de escolher a caixa d´água, você precisa saber qual o volume ideal...