Como calcular a pintura de uma parede?

Preparamos um passo a passo para te ajudar a calcular a quantidade de tintas para pintura

Passo 1:  Definir quais superfícies você vai pintar. Vai pintar só parede ou também o teto?

Passo 2: Com uma trena meça a largura e a altura das paredes. Para calcular a área da parede é só multiplicar a largura pela altura de cada superfície. Se houver muitas portas e janelas, desconte a área que elas ocupam ao final. Se não forem muitas, não se preocupe com isso. Para o teto, faça o mesmo cálculo de área, multiplicando comprimento e largura. Ex. Uma parede de 3,50m de largura por 2,50m de altura (pé direito) tem área de 8,75 m²

Passo 3: Some todas as áreas e divida sua nova medida de metro quadrado total pelo número de demãos que você precisará . Ex. a soma das áreas de parede deu 40 m² dividido por 2 demãos 20 m² . A recomendação é considerar pelo menos duas demãos. Pense que quanto maior a qualidade da tinta, menos demãos você vai usar. Nem sempre tinta mais barata significa economia.

Passo 4: Calcular a quantidade de tinta é só dividir este valor total  que você encontrou no Passo 3 pelo número de m²/litro que rende a tinta. Na lata de tinta tem essa informação. E também dá para verificar no site dos fabricantes.Ou você pode usar uma informação aproximada, em geral cada litro de tinta do tipo standard pinta 5 m².

Existem as tintas Econômicas, Standard e Premium, elas têm diferenças de rendimento, preço e qualidade. Mas, isso fica para outro post 🙂 

Passo 5: Agora que sabe a quantidade dá para saber se você precisa de um galão de 3,6 litros ou da lata de 18 litros. A informação do rendimento como já falamos vem em cada embalagem, mas para ter uma ideia aproximada um galão de 3,6 l dá para pintar 18 m². Considerando duas demãos, dá para 9 m². E um galão de 18 litros dá para pintar 90 m². Se for fazer duas demãos, dá para 45 m².

Achou o passo a passo difícil? Existem algumas calculadoras de tintas virtuais que podem ajudar:
Calculadora de tintas Leroy Merlin 
Calculadora de tintas C&C
Calculadora de tintas Lukscolor
E não esqueça de preparar bem a parede antes da pintura. Bora renovar seus ambientes!

Você já comprou a tinta e sobrou? Siga nossa dica

 

O que fazer com a tinta que sobrou?

O melhor a fazer com a tinta que sobrou da pintura é aproveitá-la imediatamente em outro local. Se você não vai usar, veja se nenhum amigo se interessa ou doe para alguma organização social. Se você ainda não começou a obra, aproveite essa dica pra lembrar a importância de calcular bem a quantidade de tinta pra evitar desperdícios.

Se você preferir guardar a sobra

Se a tinta for à base de água (acrílica ou látex), limpe bem a volta da tampa e as bordas da lata com um pano úmido ou papel toalha úmido. Cubra a boca da lata com um filme plástico e tampe. Verifique se ficou bem fechada, se não ela perde a consistência e o poder adesivo. Se a tinta que sobrou for à base de óleo (esmalte), além de limpar bem as bordas, coloque um papel encerado sobre a tinta, antes de fechar a lata. Isso é importante porque as tintas a óleo criam uma película na superfície e o papel encerado absorve essa película.Use dentro do prazo de validade.

Se for preciso descartar as sobras

Se a tinta não foi utilizada imediatamente, se você deixou passar o prazo de validade ou se não guardou corretamente e agora você vai jogar fora, cuide desse descarte. Resto de tinta não pode ser jogado no lixo, nem no esgoto e muito menos na galeria de águas pluviais. Não jogue no tanque, no ralo nem no bueiro. A tinta vai contaminar o solo, o lençol freático e os oceanos. Você não quer ser responsável por isso, né? Verifique na prefeitura da sua cidade quais são as empresas autorizadas a fazer esse tipo de coleta, contate as empresas e cheque com elas se realmente as sobras de tinta vão para aterros especiais. Em São Paulo, há uma lei municipal (15.210) que determina que os fabricantes e comerciantes de tintas, vernizes e solventes são responsáveis por coletar esse resíduo (seja do consumidor que usa na casa, seja da indústria que consome em sua produção) e reutilizar ou reciclar essas sobras. Pergunte se há algum assim na sua cidade.

O que fazer com as latas?

Latas vazias devem ser encaminhadas para um local de reciclagem (área de transbordo ou triagem), como uma cooperativa de catadores de material reciclável ou empresas de sucatas. As latas feitas em aço e são totalmente recicláveis. Também se recomenda furar as latas para evitar reuso e contaminação e esperar que o resto de tinta que fica na embalagem seque, antes de enviar para a reciclagem.

descarte-de-lata-de-tinta

E como limpar as ferramentas?

Retire o excesso de tinta com um papel ou jornal e lave as ferramentas com água ou solvente (tem que ser o mesmo diluente que você usou na tinta). O melhor é enviar esse resíduo para recuperação ou incineração. Se não conseguir, descarte no tanque, para que esse resíduo vá para a rede de esgoto, evitando impacto direto nos rios e córregos. Se for solvente, despeje a água da lavagem em um recipiente com um pouco de areia e depois que secar descarte essa areia no lixo comum. Essa é a orientação da Associação dos Fabricantes de Tintas (ABRAFATI) e da SABESP, em São Paulo.

lavar-rolos-e-pincéis

Ofertas em destaque na Amazon: até 30% de desconto em Ferramentas e Construçãoveja na Amazon.