Guias anti-pepinos

 
Guia

Água fria

 

Este guia é para quem vai contratar um profissional para fazer a instalação de água fria na sua casa e quer controlar melhor a qualidade da obra. Aqui você encontra as informações essenciais para ter noção do processo e dos erros comuns, escolher melhor material e mão de obra, e aparecer na obra na hora certa sabendo para o que olhar.

Água chega em casa via cano de entrada (da concessionária) que vai para caixa d’água; de lá a água é levada aos pontos (pias, chuveiro, lavatório, privadas) via canos e conexões. Esses tubos são embutidos nas paredes, escondidos dos seus olhos. Se tiver uma coisa mal feita ou um problema por lá, você não vai saber até a parede se estragar completamente ou o cano estourar.

A boa qualidade dessa obra significa: tubulações com risco mínimo de estouro ou vazamento, boa pressão de água em todos os pontos e a estrutura de casa (paredes, laje, piso) sem prejuízo após a instalação dos tubos.

Canos de água sem vazamentos

Os canos e conexões de água fria devem ser de PVC. Não se usa mais ferro.  E nem pensar em fogo para derreter os tubos de PVC, emendá-los e dobrá-los. Existem peças especiais para isso, chamadas de “conexões”. Sempre compre tubos e conexões do mesmo fabricante, para evitar problemas com folgas e encaixes.

Exija e acompanhe o teste das tubulações assim que elas forem instaladas dentro dos nichos das paredes e lajes. Faça os testes antes que esses nichos sejam fechados, escondendo os canos.

O encanador deve instalar os chamados registros de gaveta na saída da caixa d’água, nos banheiros, na cozinha e na área de serviço. Os registros de gaveta habitualmente são embutidos na parede e são usados para interromper o fluxo de água em caso de vazamento ou manutenção. Não confunda com as válvulas e registros de pressão que usamos no dia a dia para fechar e abrir torneiras, dar descarga etc.

Quebra-quebra sem prejuízos

Se os canos não forem aparentes ou passarem por condutores externos, será necessário rasgar parede ou piso para passar os tubos. Não deixe o pessoal da obra mexer nas paredes estruturais ou colunas de concreto para instalar canos e outros aparelhos hidráulicos. Veja com eles o caminho sugerido dos canos antes deles começarem rasgar as paredes de alvenaria simples (tijolos, bloco, etc.). Se romper parte da estrutura a parede ou laje pode trincar ou até cair! Se for passar canos pela laje de um andar pro outro o pessoal da obra deve deixar o buraco antes de concretar,  e nunca rasgar a estrutura depois que ela tiver sido feita!

Peça um plano de instalação hidráulica para você poder achar os canos dentro das paredes, caso precise fazer alguma manutenção ou alteração no futuro, ou pelo menos tire as fotos dos tubos instalados antes da parede ser fechada.

Para garantir boa pressão de água

A caixa d’água deve ficar a pelo menos 2m de altura acima do ponto de uso mais alto da casa (habitualmente é o chuveiro do piso superior, se for um sobrado). Caso contrário pode ser necessário o uso de bomba elétrica (central ou embutida no chuveiro) para aumentar a pressão de água. Alguns chuveiros podem precisar de alturas específicas, portanto, veja instruções do fabricante antes de comprar.

O tamanho e o tipo de caixa d’água depende do tamanho da sua casa e características da sua família. Veja nossas dicas sobre como definir a melhor caixa para você.

Na hora de definir o caminho dos tubos é melhor evitar muitas mudanças de direção. A água perde pressão e aumenta o risco de vazamentos.

Os canos de distribuição devem ser de tamanho adequado.– Para a cozinha o convencional é usar tubo de 25 ou 32 mm (1 ou 1 ¼ polegadas); para a descarga da privada com válvula (acionada na parede), se usa tubo de 50 mm (2 polegadas). Tubos menores não darão a quantidade (vazão) suficiente que cada peça precisa para funcionar. Confirme no seu projeto ou com seu instalador!

Finalmente, verifique se tem espaço suficiente para instalar lavatórios, torneiras, chuveiros e privadas, mas não deixe o pedreiro instalar nenhum deles antes de ter feito o acabamento de pisos e paredes. Isso evita danos às peças.

 

Erro:
Ver com encanador apenas os pontos de água em casa (pias, privadas etc.) sem entender e verificar como a instalação dos tubos será feita.
Comentário do Expert:
As tubulações mal feitas são principal fonte de pepinos com água fria. A má qualidade é muito fácil de esconder, pois os canos ficam embutidos nas paredes. Os pepinos aparecem logo, mas não imediatamente.  Portanto é essencial saber que tubos serão usados na sua casa, por onde vão passar e testá-los antes de fechar as paredes.

Erro:
Não guardar um plano de instalação hidráulica depois da obra.
Comentário do Expert:
Os canos não são visíveis e logo esquecemos por onde eles passam. É melhor ter um plano ou pelo menos fotos das paredes abertas com tubos ainda visíveis. Isso pode trazer problemas na hora de reparos necessários, decoração ou reformas futuras dos banheiros ou cozinha quando se pensa em furar paredes ou mudar o ponto de água.

Erro:
Não medir direito os espaços na hora de definir a posição dos futuros pontos de água.
Comentário do Expert:
É muito comum com lavatórios e privadas. Não se esqueça que além do lugar para a própria louça, precisa deixar espaço para quem vai usá-la e para abrir a porta.

Erro:
Deixar o encanador instalar as pias, torneiras, privadas e etc. antes de terminar o acabamento dos pisos e paredes.
Comentário do Expert:
alguns profissionais preferem instalar tudo logo, receber seu pagamento e partir para os próximos clientes. Você deve exigir do seu encanador que ele espere até terminar de pintar ou revestir as paredes no seu banheiro ou cozinha. Se não, o risco de estragar as louças caras durante a obra é muito grande, sem falar que essas peças vão atrapalhar o trabalho do pedreiro e do pintor.

Erro:
Não prestar atenção na marca do fabricante dos tubos e conexões na hora de comprar.
Comentário do Expert:
Por mais que todos tubos pareçam iguais, eles não são. As peças das marcas diferentes podem não se ajustar bem entre si, o que aumenta o risco de vazamentos. Por isso, seja qual for a marca escolhida no inicio, siga com ela na parte de tubos e conexões para a casa inteira, verificando isso na hora de cada compra.

 

MATERIAIS_AGUA_FRIA

O seu objetivo é escolher o material certo, sem gastos extras.

Use a lista dos materiais para confirmar se tudo já foi comprado ou orçado. Se o pessoal de obra solicitou ou comprou uma lista bem maior ou menor, fique atento e confirme se não há erro. Verificar a lista de materiais com antecedência faz com que você não precise sair correndo enquanto a obra se atrasa.

Esses materiais você vai precisar para colocar agua fria na sua casa:

  • Caixa d’água, com bóia e extravasor “ladrão”
  • Tubos e conexões
  • Adesivo, fita veda rosca
  • Registros de gaveta
  • Registros e válvulas de pressão
  • Ralos e grelhas
  • Torneiras, privadas, chuveiros, lavatórios
  • Sifão

 

SUA ESCOLHA
MAIOR GASTO
DETALHE IMPORTANTE

Quem vai cuidar da sua obra de água fria é o encanador. Não deixe de entrevistá-lo ou entrevistar o empreiteiro responsável antes de contratar e iniciar a obra.

Além da entrevista, combine antes de começar como deve ser a entrega final para você aceitar o trabalho e qual será a sua participação nos momentos críticos da obra. Sempre que possível exija a garantia!

A entrevista não é uma prova para testar o profissional; é mais uma conversa para ver se vocês se entendem para fazer sua reforma juntos. Se não houver entendimento antes, imagina o que vai acontecer durante a obra!

O QUE PERGUNTAR
DESCONFIAR E EVITAR DE CONTRATAR SE...
COMBINAR ANTES DE COMEÇAR

 

MOMENTO_AGUA_FRIA_ETAPAS

A obra de água fria inclui as seguintes etapas: 1) planejamento: posição da caixa d’água, dos pontos e do caminho das tubulações, 2) abertura das paredes e/ou reserva dos espaços na laje para instalar os canos, 3) instalação dos tubos, conexões e registros de gaveta, e teste da instalação antes de fechar as paredes, 4) fechamento das paredes e lajes e 5) instalação dos pontos para uso (pias e torneiras, privadas, chuveiros) – só depois do acabamento dos pisos e paredes! A partir do último momento, o sistema de água fria é conectado ao sistema de esgoto da casa e a água já pode ser usada!

O seu objetivo como cliente esperto é aparecer nos momentos críticos de cada etapa e olhar para os elementos que indicam se o trabalho é feito com qualidade e conforme o combinado. Os erros e desvios podem aparecer, mas se forem reconhecidos logo, ainda dará tempo para corrigir e evitar pepinos mais pra frente.

Combine esses momentos e a sua participação com o encanador ou empreiteiro antes de começar a obra!

Momento 1. Combinar o serviço
Momento 2. Instalação da caixa d´água
Momento 3. Teste de instalação dos tubos na casa
Momento 4. Fechamento e revestimento de pisos e paredes
Momento 5.Final da obra
×

Login